Ayrton Senna merece ser reconhecido como herói da Pátria?

O senado federal está pretendendo votar um projeto onde coloca o histórico piloto tricampeão da Fórmula 1 Ayrton Senna da Silva ,que faleceu em um trágico acidente em Bolonha (Itália) no ano de 1994, no livro de heróis e heroínas nacionais ( PLC 45/2018 ).

Notícias
6 meses atrás
Ayrton Senna merece ser reconhecido como herói da Pátria?
Foto: Instituto Ayrton Senna

E o que quer dizer de tão especial a inclusão de Senna neste livro? A homenagem merece ser concebida ao icônico piloto que fazia o Brasil parar aos domingos na expectativa de um pódio na maior competição de veículos do mundo?

Sobre o livro

O título de herói da pátria trata-se de uma condecoração de honra em relação a grandes feitores e seus feitos em nome da nação brasileira. Este livro é constituído de aço, possui os nomes dos heróis e heroínas gravados no Panteão da Pátria Tancredo Neves, estando localizado na praça dos três poderes na capital federativa do Brasil, Brasília.

A proposta para que o piloto se tornasse membro deste seleto grupo de pessoas históricas para alavancar o nome do Brasil mundialmente foi feita pelo deputado federal por São Paulo e filho do presidente da república Jair Messias Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro, do Partido Social Liberal (PSL).

Sobre Ayrton Senna

Ayrton Senna sempre buscou a perfeição, jamais deixando de lado a humildade, sua marca registrada dentro e fora dos circuitos. Diversas vezes, conseguiu vitórias mesmo nas circunstâncias mais adversas possíveis, fato este que colaborou imensamente para que se tornasse rapidamente um dos maiores ídolos nacionais e também um dos pilotos mais respeitados da história do automobilismo mundial.

O amor pelo país sempre em primeiro lugar, sempre explicitado pelo piloto, encantava e tornava se exemplo para todos os brasileiros. Até mesmo os que não costumavam acompanhar as corridas ao redor do mundo da F1 (mesmo sendo um número muito baixo à época) idolatravam Ayrton Senna, mesmo sem acompanhar as corridas, mas pelo fato de como o mesmo transmitia o orgulho de ser brasileiro para o mundo.

Aos domingos pela manhã, os brasileiros se reuniam para o espetáculo automobilístico, numa torcida eufórica pelo brasileiro, sempre na torcida para que o mesmo chegasse nas primeiras posições.

Senna venceu seu primeiro GP em 1988 dirigindo um McLaren MP4/4 (foto: Paul Lannuier / wikimedia)
Senna venceu seu primeiro GP em 1988 dirigindo um McLaren MP4/4 (foto: Paul Lannuier / wikimedia)

Sempre que vencia uma corrida, Ayrton Senna recebia uma bandeira do Brasil e fazia questão de dar uma volta pelo autódromo exaltando a pátria, ato este eternizado e repetido por pilotos até os dias atuais. O piloto chegou até mesmo, em sua fase menos glamorosa, empurrar seu carro na pista para terminar a corrida, fazendo os brasileiros se emocionarem de tanto orgulho do empenho e paixão aplicada na pista em que Ayrton entregava.

Senna fotografado durante a Temporada de Fórmula 1 de 1990 (foto: Instituto Ayrton Senna)
Senna fotografado durante a Temporada de Fórmula 1 de 1990 (foto: Instituto Ayrton Senna)

Era emocionante poder ter um ídolo que amasse tanto sua pátria como Senna, lindo de ser visto, inspirador para qualquer pessoa ao redor do mundo.
Discreto, Ayrton não gostava de falar sobre sua vida pessoal. Fazia muitos projetos sociais, ajudando a muitas pessoas, mas sempre em silêncio. Não precisava fazer propaganda de sua própria bondade pois a publicidade não era seu objetivo. Sua imagem era rentável por si só, pela sua capacidade técnica como piloto, humildade e competência.

Senna venceu o Grande Prêmio de Mônaco de 1992 em seu McLaren MP4/7A (foto: Instituto Ayrton Senna)
Senna venceu o Grande Prêmio de Mônaco de 1992 em seu McLaren MP4/7A (foto: Instituto Ayrton Senna)

Em 1o de Maio de 1994, o ídolo brasileiro sofreu um acidente no grande prêmio de San Marino e faleceu. No mesmo final de semana, outro piloto havia falecido durante os treinos no dia anterior, o que fez Senna ficar receoso de correr, mas mesmo assim decidiu ir para a prova.

Numa velocidade de 300km/h, Senna perdeu a sua vida ao bater na curva de Tamburello, deixando milhões de brasileiros órfãos seu grande ídolo, ao qual nunca mais conseguiu ser substituído até os dias atuais.

Ele merece essa honraria?

Diante de todo sucesso profissional e pessoal, Ayrton Senna ficou eternizado no Brasil como um dos maiores esportistas que já representaram a nação mundo a fora , causando lágrimas nos olhos até os dias atuais de quem se lembra o quanto ele fora símbolo do povo brasileiro, de suas alegrias e batalhas .

Até mesmo pilotos estrangeiros como o pentacampeão mundial Lewis Hamilton, que sempre teve Ayrton como inspiração e o leva como maior exemplo de dedicação e amor pelo esporte até hoje, até mesmo homenageando seu grande ídolo utilizando um modelo de capacete igual ao de Senna.

A fórmula 1 nunca mais foi a mesma sem Senna e os domingos de Fórmula 1, nunca mais reuniram a família brasileira como antigamente. Tendo isto em vista, fica mais do que claro o quanto Ayrton Senna merece receber tal honraria, visto que o mesmo além de reacender o espírito de patriotismo brasileiros todos os domingos ainda conseguiu se tornar um dos melhores pilotos da história, mesmo tendo sua carreira interrompida de maneira trágica.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?