Quanto custa uma Ferrari?

Para a maioria dos brasileiros (nós) infelizmente a resposta é curta: Muito caro.

Novidades
1 ano atrás
Quanto custa uma Ferrari?

Não existe sequer um fã de automobilismo no mundo inteiro que nunca teve o sonho de ter um veículo da montadora italiana Ferrari, prova desse amor é a nova F8 Tributo que está ganhando o mundo. Desde os modelos mais antigos até os mais novos, a Ferrari sempre entregou um design clássico e um ronco de motor inconfundível, sendo reconhecido em qualquer parte do mundo.

Mas infelizmente este sonho não é tão acessível devido ao preço elevadíssimo para se adquirir um veículo deste estilo e também por conta dos cuidados com o mesmo após a compra. Pensando nisso, fizemos as contas do quanto, em média, você gastaria para levar uma Ferrari para casa e para mantê-la.

Por que ser tão cara?

Com toda a certeza você já deve ter se perguntado por que algumas marcas de veículo cobram um valor tão superior a outras, mesmo sendo algumas de segmentos parecidos ou possuírem veículos que são concorrentes. Mas a resposta para esta questão é extremamente simples.

A Ferrari, assim como outras marcas de esportivos como Lamborghini, Koenigsegg e Bugatti, são montadoras que produzem seus carros exclusivamente por encomenda, sem ter uma linha de produção fixa como outros veículos de marcas convencionais, tornando os modelos ainda mais exclusivos e caros.

A montadora italiana também tem uma história invejável no meio do automobilismo, fazendo assim com que seu nome seja lembrado até os dias atuais como sinônimo de velocidade, luxo e prazer de dirigir.

Além disso, por ser uma marca focada em esportivos, a Ferrari deixa de ser uma marca generalista. Com isso, a marca se torna mais exclusiva e dedicada a um certo público que busca um veículo exclusivo.

Quanto custa para comprar uma Ferrari?

Existem diversos modelos de Ferraris, sendo usadas e novas, conversíveis, com 2 ou 4 portas e que podem custar desde 400 mil reais até a impressionante marca de 4 milhões de reais.

Ferrari Coupe
Ferrari Coupe

No mercado de usados, você encontrará modelos que marcaram época por um preço um pouco mais em conta, assim como também encontrará modelos que custam mais caro que um modelo 0 km. Modelos clássicos como a 308 poderão ser achados na faixa de meio milhão de reais, agora se você procura um modelo mais novo, a clássica F430 do ano de 2006 pode ser achada por algo em torno dos 600 mil. Se você foi uma das pessoas que ficaram encantadas com a F12 Berlinetta, se prepare para desembolsar algo cerca de 2 milhões, custando até mais caro que uma Ferrari California 0 km, por exemplo.

No mercado de 0 km, a Ferrari inicia suas vendas com a California, seu modelo conversível com motor V8 custando 1 milhão e 370 mil reais. Logo após podemos já encontrar a 488 GTB por 1 milhão e meio, a 488 Spider por 2 milhões de reais e mais acima delas, já custando cerca de 3 milhões de reais, a 812 Superfast com um motor V12 de 6.5 litros.

812 Superfast
812 Superfast

Custos para manter

Se você pensava que a parte mais difícil para adquirir uma Ferrari era dispor do dinheiro para a compra da mesma, você está muito enganado! Se o preço do veículo já assusta, seus gastos correntes irão assustar mais ainda!

Começando pelo IPVA, que corresponde a cerca de 4% do valor do veículo, fazendo com que os modelos da Ferrari precisem pagar apenas de imposto o preço de um veículo novo, sendo muitas vezes este custando de 80 mil reais para cima. O IPVA de uma F12 como a citada acima chega a custar cerca de 99 mil reais. O IPVA mais caro do Brasil em 2018 pertenceu a uma Ferrari F12 tdf, versão que teve apenas 799 unidades fabricadas no mundo, custando a bagatela de 159 mil reais, ou seja, um Civic Si 0 km apenas de impostos cobrados.

Ferrari F12 tdf
Ferrari F12 tdf

Por ser um veículo extremamente exclusivo, as peças são muito mais caras do que o habitual. Uma funilaria simples em qualquer modelo custa cerca de R$ 2.500,00 e o Pneu com as rodas custando 7 mil o jogo. A troca de óleo deve ser realizada a cada 5 mil km, custando 2.500 reais cada manutenção. Apenas para trocar o símbolo do cavalinho já são cobrados 800 reais.

E ainda faltou o mais importante para o veículo poder andar: O combustível. Uma Ferrari V8 (California) costuma fazer em média 6 ou 7 km/l em uma rodovia, agora um modelo com motorização V12 como a F12 pode fazer de 1 a 2 km/l. Vale lembrar que os veículos da Ferrari requerem gasolina de alta octanagem para não danificar o motor.

Sem sombra de dúvidas todos os modelos da Ferrari são objetos de desejo de milhões de pessoas ao redor do mundo, mas com preços tão altos esta diversão acaba se tornando restrita a quem pode não apenas pagar, mas também manter um veículo como este.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?