Como é o novo Nissan Versa 2021

O novo Nissan Versa está em sua segunda geração, e estreia em três versões, com câmbio manual ou automático CVT. Sendo, Sense MT5, Sense CVT, Advance CVT e Exclusive CVT, todos equipados com motor 1.6 aspirado de 114 cavalos e 15,5 kgfm de torque, com câmbio manual de 5 marchas na versão Sense e o automático CVT (sem opção de trocas manuais) nas Sense, Advance e Exclusive.

Carros
2 meses atrás
Como é o novo Nissan Versa 2021

A nova geração do sedã muda completamente seus conceitos e traz desde um design mais elaborado e elegante, até novas tecnologias, como por exemplo, alerta de colisão com frenagem automática e alerta de ponto-cego.

O valor vai de R$ 72.990 na versão de entrada, que inclusive está longe de ser básica, à R$ 92.990 na opção topo de linha. A diferença do Sense manual para o automático é de apenas 5 mil, já a versão intermediária custa R$ 83.490.

Descrição geral

Linha Nissan Versa 2021
Linha Nissan Versa 2021

O Versa 2021 está um pouco maior, agora suas medidas são: 4,5 metros de comprimento, 1,74 m de largura e 466 litros no porta-malas. Não foram só as medidas que mudaram, o design também.

Nesta nova versão o design é bem mais elaborado e traz a mesma identidade do Kicks, com a dianteira se destacando pela grade em V e os faróis afilados que, dependendo da versão, trazem iluminação em LEDs. Na lateral, as rodas vão de 15″ a 17″ e um aplique na coluna C reforça o estilo de “teto flutuante”. Na traseira, as lanternas em duas peças constroem um conjunto que elevam o Versa a um novo patamar.

No quesito itens de conforto e comodidade, todas as versões vem com controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, sensor de estacionamento traseiro, seis airbags e chave do tipo presencial, com partida por botão, coisa que não é oferecida em versões de entrada. A chave não é usada nem mesmo para entrar e sair do veículo: basta acionar os trincos pelo botão localizado na maçaneta.

No Sense manual, há volante multifuncional com comandos do som (uma botoeira na parte esquerda). Já o Sense CVT conta com uma direção mais completa, com um jogo de botões do controle de cruzeiro. Ambos têm coluna ajustável em altura e profundidade e assistência elétrica.

Ao contrário das versões mais caras (Advance e Exclusive), o painel de instrumentos não possui display de TFT. Conta-giros e velocímetro são analógicos, com um mostrador de LCD ao centro. Nele são exibidos dados básicos do computador de bordo. O sistema multimídia traz apenas o essencial, e não apresenta tela sensível ao toque, apenas um mostrador elementar.

Para completar, há entrada USB no console, além de uma tomada de 12V e entrada auxiliar, com outros dois pontos de USB ao alcance dos ocupantes de trás. No novo Versa o motorista tem a possibilidade de desabilitar o controle de estabilidade, bem como o alerta sonoro dos sensores de proximidade. Até mesmo os faróis dianteiros podem ser ajustados eletricamente

O acabamento do interior é em plásticos de qualidade, com forração parcial nas portas e material sintético nos bancos, mesclando dois tons em toda a forração, além de um tecido texturizado ao centro. Os cintos dianteiros contam com ajuste de altura. Atrás, são do tipo três-pontos para os três ocupantes, com encosto de cabeça embutido para quem viaja no meio.

O novo Nissan Versa 2021 vem para o mercado brasileiro importado do México, ele ficará posicionado acima do Versa V-Drive, a geração anterior que foi renomeada. Os principais rivais serão Chevrolet Onix Plus, Hyundai HB20S e VW Virtus.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?