Projeção: em sua terceira geração Chevrolet Montana deve mudar de segmento

A terceira geração da picape será feita sobre a plataforma do SUV Tracker, e vai ganhar quatro portas para brigar com a Fiat Toro.

Novidades
3 semanas atrás
Projeção: em sua terceira geração Chevrolet Montana deve mudar de segmento

Prevista para 2021, a nova picape Chevrolet usará o motor 1.4 turbo de 153 cv que atualmente equipe o Chevrolet Cruze. Este motor tem 240 Nm de torque e é fabricado em Rosário, na Argentina. O câmbio será o de seis marchas automático que equipa o Tracker.

Resta saber se a nova picape continuará se chamando Montana, pois o atual modelo sairá de linha.

O que esperar do novo modelo da Chevrolet?

Projeção da nova Chevrolet Montana
Projeção da nova Chevrolet Montana

Projeção da nova Chevrolet Montana
Projeção da nova Chevrolet Montana

A troca de segmento da Montana só será possível graças à nova plataforma conhecida como GEM 2 (Global Emerging Markets) da marca. A mesma base usada no novo Onix, Onix Plus e Tracker, que permite diversos usos em carrocerias diferentes, por ser modular.

Ainda não se tem muitos detalhes sobre seu visual, mas até o momento já foram feitas três renderizações do modelo. Uma foi feita pelo site GM Authority e claramente baseia-se numa junção de elementos do Tracker com a caçamba da atual Montana. A outra, mais recente, foi criada no Brasil pelo designer Kleber Silva, um dos principais artistas do segmento, abordando uma mistura elementos da nova Chevrolet S10 com a do Tracker. A terceira renderização foi feita pelo GM Authority baseada no antigo visual da Chevrolet S10.

Projeção da Chevrolet Montana baseada na S10 - Foto: GM Authorithy / Reprodução
Projeção da Chevrolet Montana baseada na S10 – Foto: GM Authorithy / Reprodução

Vale ressaltar que as renderizações não são reconhecidas pelos fabricantes. Essas projeções evoluem à medida que a mídia ou informantes vão conseguindo mais detalhes sobre os veículos.

Atualmente a Montana é produzida em São Caetano do Sul (SP). Espera, portanto, que a nova picape também seja fabricada no ABC paulista, e tenha mais de 4,9 m de comprimento, ao invés dos atuais 4,5 m da Montana, com cerca de 3 m de entre-eixos.

A nova picape da Chevrolet será com cabine dupla e deve custar pelo menos R$ 110 mil (a preços de hoje) na opção com motor 1.4 turbo. Se vier equipada com o motor 1.0 turbo e/ou o 1.2 turbo, o preço deve partir de R$ 85 mil e/ou R$ 95 mil.

Os principais rivais para a nova Montana (ou outro nome que vier a ter) serão Fiat Toro, Renault Duster Oroch e futuramente a Volkswagen Tarok, já que a marca alemã também se rendeu ao fenômeno criado por Fiat Toro.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?