VW Tipo 147 foi um misto de Kombi e Fusca

A VW Tipo 147 é uma van que foi lançada pela montadora alemã para atender ao serviço de postagem da época, o correspondente ao nosso Correio. Nascida em 1964, o modelo era um misto de Kombi e Fusca.

História
3 meses atrás
VW Tipo 147 foi um misto de Kombi e Fusca
VW Fridolin (foto: Urmelbeauftragter / Wikimedia)

História

No início da década de 60 o serviço postal alemão fez à Volkswagen um pedido bastante específico: um veículo com dois metros cúbicos e 400 kg carga útil, com comprimento máximo de 3,75 metros, e que pudesse ser acessado desde a própria cabine. Também era imprescindível que a porta fosse de correr ao invés de porta de abrir, pois em centros urbanos eram mais práticas.

VW Tipo 147
VW Tipo 147

Para desenvolver o novo modelo, a VW lançou mão do chassi do Fusca Conversível, mas logo percebeu que a melhor opção seria o chassi do Karmann-Ghia que era consideravelmente mais largo. Mas visando cortar custos, foram utilizadas peças já existentes sempre que possível. Por exemplo os eixos, o motor e a caixa de marchas eram do Fusca, os faróis do Typ 3 – que tinha acabado de ser lançado – e a traseira da Kombi.

Depois de várias experiências e protótipos ao longo de 1962 e 1963, finalmente começou a produção em série no ano de 1964, batizada de Volkswagen Type 147 Kleinlieferwagen (ou seja, pequena van). Nos nove anos que durou sua produção foram fabricadas 6.139 unidades. Ainda hoje existem cerca de 40 unidades em bom estado de conservação na Alemanha.

VW Tipo 147
VW Tipo 147

As adaptações

Para nascer o modelo VW Tipo 147 foram feitas várias adaptações de modelos já existentes. Em primeiro lugar utilizou-se, como dissemos acima, a plataforma do Karmann-Ghia. Além disso, utilizaram a dianteira do Tipo 3 (que depois daria origem aos modelos TL e Variant no Brasil). E por fim, a traseira de Kombi e o motor 1.200 do Fusca.

VW Fridolin (foto: KarleHorn / Wikimedia)
VW Fridolin (foto: KarleHorn / Wikimedia)

VW Fridolin (foto: Norbert Schnitzler / Wikimedia)
VW Fridolin (foto: Norbert Schnitzler / Wikimedia)

VW Typ 147 (foto: Stahlkocher / Wikimedia)
VW Typ 147 (foto: Stahlkocher / Wikimedia)

A empresa Westfalia foi escolhida pela VW para desenvolver o projeto, pois era especializada na adaptação de veículos para diversas funções. Cerca de 85% da produção foi destinada ao Bundespost (serviço de correio alemão). Mas uma encomenda especial foi feita pela Suíça, também para atender ao serviço postagem, mas com algumas modificações importante: o moderno – para a época – motor 1.300, freios a disco e algumas alterações na carroceria.

Enfim, um modelo que marcou a história automobilística mundial e que até hoje conta com inúmeros fãs espalhados pelo mundo. Estima-se que ainda restam 200 unidades do VW Tipo 147 circulando pelo Globo.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?