A história do Ford Mustang

Lançado em 1974, o Mustang chegou revolucionando o conceito de muscle cars americano até os dias de hoje.

História
3 meses atrás
A história do Ford Mustang
nakhon100 / wikimedia

O cupê esportivo da Ford nunca perdeu sua mítica personalidade ao longo das seis gerações e tem mostrado toda sua força se mantendo líder de vendas nos últimos três anos.

Primeira geração (1964-1973)

Mustang de 1964 (foto: DougW / wikimedia)
Mustang de 1964 (foto: DougW / wikimedia)

O Ford Mustang nasceu para contrapor a moda americana de modelos de proporções exageradas, com um modelo de tamanho menor mas que não deixava para trás em desempenho.

Foi assim que o Pony Car foi lançado em 1964, com linhas esportivas e duas opções de motorização: 6 cilindros ou V8. O resultado foi acolhido com enorme sucesso, com 1 milhões de vendas nos dois primeiros anos.

Segunda geração (1974-1978)

Segunda geração (AlfvanBeem / wikimedia)
Segunda geração (AlfvanBeem / wikimedia)

Com a crise mundial do petróleo, em 1973, já não era mais possível manter veículos que fossem beberrões. A solução da Ford foi o lançamento, em meados de 1974, da segunda geração do Mustang.

Mas a versão compacta, com distância entre eixos inferior a 2,30 m, e com motores econômicos não atraiu os consumidores que desejavam mais espaço interno e acabou tendo uma vida útil muito pequena, sendo encerrada em 1978.

Terceira geração (1979-1993)

Ford Mustang GT 5.0 T-top 1986 (Mr.choppers / wikimedia)
Ford Mustang GT 5.0 T-top 1986 (Mr.choppers / wikimedia)

Entre 1979 e 1993, a terceira geração prosperou sobre os erros da anterior. O novo Mustang voltou a fazer jus ao emblema do cavalo veloz e ficou potente, bem como com dimensões e espaço interno maiores.

Quarta geração (1994-2004)

Mustang de quarta geração
Mustang de quarta geração

A quarta geração chegou em 1994, totalmente reestilizada e ainda com dimensões maiores. Uma junção entre passado e futuro, fez do novo Mustang uma receita de sucesso que perdurou durante 10 anos. Não há dúvidas que o motor V8 foi um dos principais atrativos.

Quinta geração (2005-2014)

Ford Mustang GT (IFCAR / wikimedia)
Ford Mustang GT (IFCAR / wikimedia)

Já com o nome consagrado, a quinta geração é apresentada em 2005 e conquista mais consumidores. Por outro lado, não faltaram críticas ao obstinado sistema de suspensão traseira de eixo rígido, que não condiz com a performance esportiva do modelo.

Mesmo assim, a modernização da motorização, dos equipamentos e o preço competitivo fizeram do novo Pony Car da Ford um modelo muito atrativo por mais de 10 anos, até o ano de 2013.

Sexta geração (2015-presente)

Ford Mustang Fastback 5.0l V8 2015 (Tobias "ToMar" Maier / wikimedia)
Ford Mustang Fastback 5.0l V8 2015 (Tobias “ToMar” Maier / wikimedia)

As vendas da sexta geração começaram em 2014 e continuam até hoje. Embora não tenha havido novas gerações, esta última versão recebeu várias atualizações ao longo dos anos até chegar ao modelo 2018 equipado com tecnologias de ponta.

Nos últimos quatro anos o Mustang tem sido o cupê esportivo líder de vendas mundial, sendo que em 2018 foram 113.066 unidades.

Ford Mustang 2020

O Mustang de sexta geração em sua versão 2020 conta com inovações sutis no design, porém com mudanças significativas nos aspectos de aerodinâmica, tecnologia e motorização, principalmente nas versões equipadas como o motor 2.3 Ecoboost, que substituiu o antigo V6 que era utilizado no Mustang.

O novo design aplicado no pacote High Performance permite ao carro vir equipado com equipamentos presentes no Mustang GT, além do painel de instrumentos em alumínio, dos freios do Mustang GT e das belíssimas rodas de alumínio aro 19.

Além de tudo isso, novas cores foram adicionadas ao exterior do veículo, sendo elas o Grabber Lime, o Iconic Silver, o Red Hot Metallic Tinted Clearcoat e o Twister Orange. Na parte tecnológica, o sistema de multimídia SYNC de 3ª geração com AppLink vem a mais com reconhecimento de voz melhorado e duas entradas de USB. Também vale ressaltar o FordPass Connect, aplicativo este que o proprietário conseguirá interagir com o veículo através do celular, podendo localizar o veículo, ver seu nível de combustível e até mesmo abrir e fechar o mesmo.

Quando se fala de Mustang, a principal atração está na motorização do veículo. Levando isso em consideração, a Ford decidiu fazer um upgrade neste aspecto em seu motor turbinado de 2.3 litros.

Antigamente, o motor rendia cerca de 314 cv de potência e 44,2 kgfm de torque, enquanto o novo modelo poderá oferecer até 330 cv de força atrelados a um câmbio manual de 6 velocidades ou um automático de 10 marchas.

Neste pacote High Performance, a principal função é entregar a sensação do Mustang GT 5.0 em um modelo com o motor 2.3 turbinado. Para ajudar ainda mais nesta sensação, o chassi deste pacote juntamente a aerodinâmica foram remodelados para se assemelhar ao do Mustang GT, uma junção esta que pode render muita diversão e prazer ao volante!

Mustang no Brasil

Foi preciso esperar seis gerações para o Pony Car da Ford chegar ao Brasil. Resta saber agora qual a preferência dos brasileiros entre Mustang e Camaro, uma vez que o preço de ambos é bem parecida.

A versão que já está disponível no mercado nacional é a completa GT Premium, equipada com motor 5.0 V8, 466 cv de potência, transmissão automática de 10 velocidades, fazendo de 0 a 100 km em apenas 4 segundos.

Todo o leque de cores do catálogo americano está disponível, mas será preciso aguardar o prazo de 90 dias para a entrega. As cores básicas já tem opção de pronta entrega.

55 anos de história

Recentemente, o emblemático Mustang celebrou seus 55 anos de história. O perfil típico de nariz de tubarão continua vivo ao longo das seis gerações e o potente motor V8 atrai cada vez mais consumidores aficionados por velocidade.

De fato, o Mustang é um polo de atração para a Ford, que já está comercializando o cupê esportivo em 146 países. Mesmo entre o setor feminino o índice de procura tem aumentado nos últimos anos.

Este sucesso de vendas é também um ícone midiático nas telas do cinema e agora está conquistando o Instagram com o maior número de hashtags.

Mustang Shelby GT500

O Ford Mustang Shelby GT500 é um versão esportiva da série Mustang da Ford. Preparado pela Shelby American o Mustang Shelby GT500 é a versão mais potente de cada geração do mustang. Sua estreia aconteceu em 2005, ele vinha equipado com um motor 5.4L V8 32v DOHC SuperCharger que tinha potência máxima de 456 cv (335 kW) a 6000 rpm.

Com seu “velho novo design” em vez do tradicional logotipo, ele vem com cobras prateadas como emblema, ainda assim ele é reconhecível como um Mustang, pois ele tem seu design baseado nos antigos GT500 originais produzidos pela última vez em 1970 e em outros Mustangs Shelby GT500 dos anos 60. De herança dos Mustangs ele tem aberturas no capô, que retiram o calor do compartimento do motor e o spoiler traseiro é uma referência aos primeiros Shelby. E a dupla faixa de carbono em sua lataria tem origem de uma das corridas de Carroll Shelby, que sem tempo para adesivar seu carro, pediu então a sua equipe que fizessem apenas duas faixas, igual a seu macacão.

Para tornar o novo Shelby GT500 o Mustang de rua mais rápido de todos os tempos, a Ford Performance criou um conjunto de motorização exclusivo que atinge novos níveis de potência e torque.

O Shelby GT500 2020 é equipado com um motor 5.2 supercharged de liga de alumínio, montado à mão. Para manter o ar de admissão mais frio e obter um centro de gravidade mais baixo, a equipe inverteu um compressor de 2,65 litros com intercooler ar-líquido, engenhosamente instalado no vão do motor V8.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?