O Corolla sempre foi bem nas corridas

Quando imaginamos carros que são utilizados em corridas, prontamente nos vem a cabeça veículos esportivos, com design agressivo e motores extremamente potentes, além de veículos feitos voltados para corridas, como o Subaru Wrx Sti e o Mitsubishi Lancer Evolution.

História
4 semanas atrás
O Corolla sempre foi bem nas corridas

Agora quando pensamos no Corolla, o carro mais vendido da montadora japonesa, o sedan japonês vai completamente na contramão deste estilo esportivo. Esta impressão, no entanto, é enganosa, visto que o Corolla possui um passado (mesmo que desconhecido) em competições de automóveis e, acredite, o carro não se saiu mal!

Sobre o Corolla

O Corolla é o carro mais antigo ainda em fabricação da Toyota no mundo. No mês de novembro de 1966, a primeira geração do Corolla chegou ao mercado e esta durou apenas 4 anos, sendo encerrada em 1970.

Antes visto como um subcompacto a mais no mercado, a segunda geração do Corolla chegou para fazer com que o veículo chegasse em seu patamar de hoje, fazendo o veículo ser eleito o carro mais vendido do mundo em 1974, fazendo a popularidade do modelo crescer cada vez mais.

Durante sua quinta geração, o Corolla chegou ao mercado Europeu e foi a vez dos países do velho continente se renderem ao veículo da Toyota, sendo que a sexta geração também foi muito bem aceita (sendo produzida desde 1987 até 2006 na África do Sul).

A sétima geração (1993-1998) com toda certeza representou um marco para nós brasileiros, visto que esta foi a primeira das gerações do sedan da Toyota a desembarcar no Brasil, vindo importada diretamente dos EUA. Desta geração em diante, o Corolla nunca mais deixou de ser vendido por aqui, sempre figurando entre os carros mais vendidos do país desde então.

Hoje o Corolla está em sua 11ª geração, já as vésperas do lançamento da próxima, que tem expectativa de chegar ao Brasil no final deste ano.

Durante todo esse tempo e suas mais de 40 milhões de unidades vendidas em todo o mundo, o Corolla teve algumas versões esportivas, como é o caso da atual XRS, que passa impressão de esportividade apenas no visual, ficando atrás nesta categoria para seu arquirrival Honda Civic SI.

Corolla no Rallye

É realmente muito difícil imaginar um Corolla voltado para competições, mas acredite ou não, o Corolla conseguiu disputar o WRC (World Rally Championship) durante 30 anos.

Corolla touring
Corolla touring

No início, o Toyota Celica foi escolhido como o veículo da equipe de rallye da Toyota, mas o mesmo não conseguia mais acompanhar a relação peso/potência dos rivais. Partindo deste ponto, em 1972, implementaram o motor do Celica em um Corolla que foi chamado de Corolla Levin. No entanto, que alcançou a primeira vitória do Corolla na WRC foi outro modelo que não o Levin, com motor 1.6 2T-B e base do Corolla de segunda geração, modelo este chamado de TE25 Corolla, que venceu o Rally Press-on-Regardless realizada nos Estados Unidos.

Porém com a crise do petróleo, a Toyota deixou para Ove Andersson administrar sua escuderia dos rallyes, criando assim outro Corolla com um motor 151E, que possuia uma cabeça de 16 válvulas instalada em um motor 2T-G. Em 1975, o Corolla começou a ganhar vários prêmios e, no mesmo ano, ficou em terceiro lugar no rally em Portugal.

A tão sonhada vitória na Europa chegou o Rally de 1.000 Lagos (hoje Rally da Finlândia), com o piloto Hannu Mikkola em um Corolla Levin com um motor 151E de 1,6 litros, 16 válvulas e quase 200 cavalos de potência e, deixando rivais como a Ford e a Saab para trás, conseguiu conquistar a tão desejada vitória.

O Corolla  conquistou o 1,000 Lakes Rally
O Corolla conquistou o 1,000 Lakes Rally

A corrida AE86 em 1983
A corrida AE86 em 1983

Porém o Corolla começou a ser preterido na equipe por poder comportar a época motores menores, enquanto seus principais concorrentes já vinham equipados com motores 2.0. A marca voltou a competir na WRC em 2017 utilizando o subcompacto Yaris.

Toyota Yaris na WRC
Toyota Yaris na WRC

Toda esta trajetória não seria possível sem que o Corolla fosse implementado nas corridas. Claramente alterações foram feitas no veículo, mas sem o mesmo, a Toyota nunca conseguiria ter alcançado as glórias que desejava na WRC, provando assim que o Corolla pode ser sim um carro utilizado para corridas, o que a primeira vista pode soar até como um absurdo, sendo que na realidade é um fato.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?