Não vai ser fácil para o T-Cross passar pelos seus concorrentes no Brasil

Uma novidade no segmento de SUVs compactos é sempre interessante, ainda mais se for levar em conta o crescimento intenso destes veículos no mercado brasileiro.

Notícias
2 semanas atrás
Não vai ser fácil para o T-Cross passar pelos seus concorrentes no Brasil

O Volkswagen T-Cross chega para colocar a marca alemã na briga contra outras grandes montadoras. Mesmo estando atrasada em até 15 anos em relação aos concorrentes, a Volkswagen sempre procura uma fatia do mercado incansavelmente.

Sobre o T-Cross

O T-Cross chega ao Brasil com status de “caçula” entre a gama de SUVS compactos.

O veículo conta com apenas 4,19m de comprimento e 1,56m de altura, sendo considerado o menor entre seus concorrentes. Em contrapartida, possuí o maior entre-eixos da categoria com 2,65m, superando a HR-V em 4 centímetros.

T-Cross 201
T-Cross 201

Em ambas as versões o motor TSI estará presente (200 nas versões de entrada e Comfortline de 116cv na gasolina e 128 no álcool e 250 na versão Highline com 150cv).

O acabamento se modifica de acordo com o modelo, mas na versão de topo contará com teto solar, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, câmera de ré, bancos em couro, saídas de ar para os passageiros de trás e painel digital.

Seu preço pode variar entre R$ 84.900 até R$ 124.840 na versão especial de lançamento (versão de topo normal chega por 109.990).

Principais concorrentes

  • 1- Nissan Kicks
  • 2- Jeep Renegade
  • 3- Hyundai Creta
  • 4- Honda HR-V
  • 5- Peugeot 2008
  • 6- Ford EcoSport
  • 7- Renault Captur
  • 8- Renault Duster
  • 9- Chevrolet Tracker

Prós

Ao se adquirir um T-Cross, você claramente estará levando um dos veículos mais tecnológicos do mercado. Contando com uma vasta série de equipamentos e modos de personalização, o cliente poderá montar o veículo conforme seu gosto.

Seu espaço interno e suas dimensões auxiliam na escolha do veículo. Sem deixar de ser espaçoso e garantir o conforto interno, o T-Cross é um dos poucos que consegue aliar tudo isso a um tamanho familiar, sem necessidade de estranhamento por estar em um veículo de porte maior.

T-Cross
T-Cross

Além disso, a rede de concessionárias Volkswagen é muito mais extensa do que as dos quatro principais rivais (Hyundai, Honda, Nissan e Jeep), fazendo assim o acesso à mão de obra especializada e os pontos de venda mais rentáveis e próximos de consumidores.

Contras

Mas nem tudo joga a favor do T-Cross nessa disputa. O segmento de SUVS compactos foi inaugurado pelo Ecosport, que dominou o mercado nacional por muito tempo, sendo desbancado apenas por rivais mais atualizados quase uma década depois. Entrar em um mercado já consolidado e com várias opções é muito complicado, um verdadeiro desafio para a Volkswagen.

O preço do T-Cross também pode atrapalhar. Tendo em vista que o veículo parte de 85 mil reais, a sua versão de entrada é a mais cara entre os concorrentes, e sua versão de topo custa 109.900, perdendo apenas para a Honda HR-V, veículo que já está 100% consolidado no mercado, ao contrário do SUV da marca alemã.

Outro problema que vale ressaltar é justamente referente a suas concessionárias. Por ser um veículo caro, a Volkswagen deveria oferecer algum tratamento especial para este tipo de clientes mais refinados, visto que seu foco principal é em veículos populares. O pós-venda de veículos mais caros da Volks como Passat, Jetta, Golf e Tiguan sempre foi um problema por conta de não estarem acostumados a trabalhar com veículos deste nível corriqueiramente, principalmente em locais mais distantes, problema este mais raro com as outras marcas que possuem redes de concessionárias mais enxutas.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?