BlackFly: o carro voador deve chegar em 2019

Quem diria que os carros voadores chegariam tão rápido? Pois bem, eles deixaram as telas do cinema e estão voando sobre nossas cabeças nesse momento. A BlackFly anunciou que em 2019 começará comercializar as primeiras versões dos carros voadores.

Novidades
11 meses atrás
BlackFly: o carro voador deve chegar em 2019

Da ficção científica para a realidade

Há 9 anos a BlackFly vem trabalhando no desenvolvimento do carro voador, patrocinada pelo cofundador da Google, Larry Page. Por fim, os primeiros experimentos foram concluídos com sucesso e o modelo começará a ser comercializado em 2019, segundo entrevista de Alan Eustace à CNBC.

Preço estimado

Ao contrário do que se poderia pensar à primeira vista, o modelo tem um preço relativamente acessível, e bem perto de um SUV nos Estados Unidos, algo em torno de 50 mil dólares. Claro que convertendo para reais (190 mil numa conversão grosseira, e sem contar com os impostos…) isso ficaria meio fora da realidade da maior parte dos brasileiros, mas ainda nem sabemos quando o modelo chegará ao país.

Onde poderá ser usado?

Num primeiro momento o modelo só poderá sobrevoar áreas rurais, e segundo Larry ainda demorará alguns anos para que ele atue nas cidades, sejam por questões legais ou mesmo por questões logísticas. Vale pensar se os motoristas terão capacidade para tirar essa nova CNH que será como um brevê de piloto.

BlackFly
BlackFly

Capacidade do BlackFly

O BlackFly tem capacidade para transportar uma pessoa apenas, de 1,98 metros e 114 kg. Ele é totalmente elétrico e consome apenas 245 Wh por milha, 25 Wh a menos que a média dos carros elétricos que temos nas ruas, o que lhe proporciona uma autonomia de 40 km.

BlackFly
BlackFly

Apesar de poder transportar uma pessoa, o modelo também pode ser controlado a distância por uma espécie de joystick. Ele é capaz de chegar a uma velocidade de quase 100 km/h, e nos Estados Unidos não precisará de licença especial para ser conduzido, mas o comprador deverá “concluir com êxito o exame escrito de piloto particular e também a familiarização com o veículo e o treinamento dos operadores”, afirma a Opener.

BlackFly
BlackFly

Ela ainda explica que o modelo possui “oito sistemas de propulsão, espalhados por duas alas e decola e pousa melhor em superfícies como grama”. Ele é construído em impressora 3D e já realizou mais de 1.400 voos com sucesso nos Estados Unidos.

BlackFly
BlackFly

Muitas questões ainda ficam em aberto, como o sistema de segurança, a precisão mecânica e elétrica, a adaptação para cidade no dia-a-dia. Mas de termos chegado até aqui, significa que essas dificuldades também serão superadas.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?