Carros com Park Assist fazem sucesso no Brasil

A ideia de veículos que não precisam mais de motoristas, que sejam totalmente automatizados, parece uma realidade futurística ainda muito distante, e talvez até o seja. Mas enquanto isso não acontece as montadoras estudam formas de automatizar ao menos alguns procedimentos, é o caso das manobras de estacionamento.

Tecnologia
10 meses atrás
Carros com Park Assist fazem sucesso no Brasil

Sistema Park Assist

Manobrar parece uma tarefa difícil, ou até impossível, para alguns motoristas. Outros simplesmente detestam fazê-lo e precisam tentar duas, até três vezes, para conseguir encaixar o veículo na vaga disponível.

Para mitigar essa dificuldade as montadoras começaram por introduzir em seus modelos câmeras de ré e sensores de estacionamento, especialmente os traseiros. Hoje esses itens podem ser instalados pelo próprio dono do carro em estabelecimentos que fornecem o serviço, e são muitos!

Foto: Mike Roberts / Wikimedia
Foto: Mike Roberts / Wikimedia

Atualmente, contudo, as marcas estão desenvolvendo uma tecnologia que pode ser o primeiro passo para a automatização completa dos automóveis: o sistema Park Assist. Esse incrível sistema é capaz de realizar manobras de estacionamento sozinhos ou quase sozinhos, dependendo da geração do sistema.

O Park Assist também funciona por meio de sensores estrategicamente instalados e que identificam o espaço existente, calculando se é suficiente para o veículo estacionar. Para isso, basta para o carro ao lado da vaga e acionar o sistema.

Os primeiros sistemas assumiam o controle do volante e o motorista precisava acionar os pedais de aceleração e de freio. Hoje já está no mercado uma nova geração que pode fazer tudo sozinha, mesmo assim o motorista pode assumir em qualquer momento apenas pisando no freio. Ele também é capaz de tirar o veículo da vaga na hora de sair.

Marcas e modelos com Park Assist

Isso, é claro, não é exclusividade de uma marca. Hoje praticamente todas elas desenvolvem alguma tecnologia de estacionamento automático do veículo, nos modelos mais caros evidentemente.

Uma delas é a Ford que batizou o sistema de Advanced Driver Assistance Systems (sistema avançado de assistência à direção), comumente abreviado para a sigla ADAS. Além da função da estacionar o carro sozinho conta também com o alerta para prevenção de colisões e o monitor de pontos cegos. Vale ressaltar que o sistema é capaz de identificar obstáculos móveis, como um pedestre ou animal passando perto do veículo no momento da manobra. Esse sistema já integra os modelos Focus e Edge em vários países.

Outras marcas que estão apostando nesse tipo de tecnologia são, à guisa de exemplo, a Volvo, Jaguar, Volkswagen, Mercedes e BMW. O sistema é bem parecido, funciona através de sensores e câmeras que ajudam o computador a realizar as manobras.

A Mercedes-Benz se destacou por um diferencial muito interessante: o acionamento do sistema Park Assist por meio de um aplicativo de smartphone. Pode parecer desperdício de tempo e dinheiro, mas analisando atentamente esse recurso pode ser bastante útil. Sim, porque o motorista pode ficar fora do carro e ter uma visão muito melhor do que está acontecendo no entorno.

O motorista fica próximo ao veículo e emparelha o aplicativo via bluetooth com o computador de bordo e executa a manobra pela tela do celular. Esse recurso é especialmente útil quando falamos em veículos de grande porte como o caso do Classe E, fazendo mais sentido a aplicação de esforços por desenvolver essa tecnologia.

A tecnologia não, contudo, não estaciona. A Volkswagen, por meio da Audi, vem desenvolvendo um sistema que vai além. Também acionada via smartphone, mas não apenas para realizar a manobra de estacionamento com o motorista ao seu lado, mas capaz de deixar os ocupantes na porto de um shopping, por exemplo, e sair para procurar uma vaga e estacionar sem o auxílio humano. Isso ainda é só uma ideia, mas não tardará em se transformar em realidade.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?