Golf sai de linha na versão 1.0 e 1.4 focando na esportividade do GTI

Que o Golf não está entre os carros mais vendidos no Brasil não é mistério pra ninguém, o clássico hatch não vem sendo interessante para a Volkswagen a algum tempo, tanto que a marca já havia anunciado o fim da versão variant no Brasil com a chegada do T-cross, afinal de contas, porque o motorista brasileiro compraria uma perua enquanto pode comprar um SUV capaz de enfrentar nossas estradas esburacadas?

Carros
4 meses atrás
Golf sai de linha na versão 1.0 e 1.4 focando na esportividade do GTI

Uma notícia que deve deixar muita gente triste é o fim da linha Volkswagen Golf 1.0 e 1.4.

VW Golf GTI é a única opção

A motivação para encerrar as versões menores do Golf não é segredo, o carro não vende bem, alias, o mercado de hatches médios no Brasil sofre com uma grave queda nas vendas. Após a chegada do T-Cross, não faz sentido para a VW manter as motorizações 1.0 e 1.4.

Agora quem quiser um hatch de nome vai precisar desembolsar pelo menos R$ 149.290 para comprar o esportivo GTI.

“O Golf ficará focado na esportividade”, diz a Volkswagen em comunicado oficial sobre o assunto.

VW Golf deve continuar no Brasil

VW Golf
VW Golf

Para quem está preocupado com o futuro do Golf no Brasil, a Volkswagen já revelou que o modelo deve continuar nas pistas brasileiras ainda por um bom tempo.

“O Golf é um modelo importante em nosso portfolio e inclusive já anunciamos, no Salão do Automovel 2018, o início de comercialização do Golf GTE no Brasil a partir de 2019”, revelou a Volkswagen em nota.

Volkswagen Golf GTE

Uma das maiores sensações do Salão do Automóvel 2018 foi a apresentação do Golf GTE, um modelo híbrido que combina com perfeição o motor a combustão com um motor elétrico alimentado por baterias de lítio. O modelo deve começar a circular no Brasil em 2019, promete a montadora.

VW Golf GTE
VW Golf GTE

O aspecto mais interessante do modelo sem dúvida é sua motorização, que está composta pelo motor 1.4 TSI de 150 cv de e 25,5 k.gfm de torque máximo, associado ao motor elétrico. Na combinação eles podem gerar um total de 204 cv de potência e de 35,6 k.gfm de torque máximo. O câmbio para ele será o DSG de 6 velocidades com Paddles Shift atrás do volante.

A bateria de lítio possui carga suficiente para que o veículo percorra 50 km sem o motor a combustão, mas essa autonomia pode ser bem maior, atingindo os 900 km, pois ela conta com um sistema de regeneração de energia que se aproveita das frenagens do veículo.

Oitava geração: Volkswagen Golf 2020

Esta poderá ser a cara da oitava geração do Golf 2020. A foto foi tirada pelo alemão Johannes e publicada em sua conta no Instagram.

Volkswagen Golf 2020
Volkswagen Golf 2020

A plataforma deverá ser a mesma MQB de antes, mas contará com uma aplicação maior de aços de ultra alta resistência e deve ter ficado mais leve na maioria das versões. Entre os motores, o destaque vai para o novo 1.5 turbo, ainda não aplicado no Brasil. Já o Golf GTI pode ter potência entre acima dos 250 cv.

Diga adeus para o VW Golf Variant e olá para o T-Cross

Apesar de ter muitos fãs, a venda do Golf Variant no Brasil já não faz mais sentido, pelo menos não financeiramente e agora é oficial, a Volkswagen encerrou as vendas da Golf Variant no mercado brasileiro.

Seja por culpa das estradas brasileiras mal conservadas e cheias de buracos, ou para não parecer um “tiozão de família”, o motorista brasileiro não quer mais versões station wagon em suas garagens, agora as peruas perdem espaço para os novos SUVs que ganham o mercado nacional.

Um dos principais destaques do Golf Variant era sua versatilidade, aspecto que era atendido com a grande capacidade para bagagens: seu porta-malas comporta 605 litros (até a altura dos encostos de cabeças no banco traseiro), o que significa amplo espaço mesmo com cinco ocupantes a bordo. Rebatendo-se os bancos traseiros, a capacidade para bagagens aumenta para 1.620 litros. O porta-malas do Golf Variant tem 1.055 mm de comprimento – até os encostos dos bancos da frente são 1.831 mm.

VW Golf Variant
VW Golf Variant

Uma das grandes novidades do mercado automobilístico é o novo SUV da Volkswagen, o T-Cross. O modelo realmente promete ser um forte concorrente em seu segmento, competindo diretamente contra os modelos Hyundai Creta, Honda HR-V, Nissan Kicks e Jeep Renegade. Conheça mais sobre o modelo e veja o comparativo com os rivais.

A primeira coisa que chama a atenção no T-Cross é o preço, bastante atraente pela tecnologia que está envolvida e também em comparação com os rivais da mesma categoria.

carro.blog.br

O carro.blog.br é um espaço voltado para quem ama as máquinas que nos fazem companhia tanto na rotina do dia a dia quanto na diversão do final de semana.

Vamos Bater um Papo?